Renegade Trailhawk: detalhes, equipamentos, preço, motor, consumo

 

O segmento de crossovers e SUVs compactos é um dos mais diversificados do mercado brasileiro. Há modelos para praticamente todos os gostos e bolsos. Todavia, o Renegade vai um pouco além e oferece configurações variadas, em uma das gamas mais diferenciadas da categoria. O Jeep Renegade Trailhawk é o modelo da linha que mais impressiona.

 

Embora seja a variante mais “salgada” de toda a linha, a Trailhawk é a que oferece a maior oferta de equipamentos. Mais do que isso, ela vem preparada de fábrica para não te deixar na mão ao enfrentar trechos e terrenos mais acidentados. Dá para dizer que o Renegade Trailhawk é o crossover compacto mais valente à venda no Brasil.

 

Não chega a ser tão imponente quanto um Suzuki Jimny ou Troller T4, utilitários desenvolvidos especialmente para o fora-de-estrada e situações bastante audaciosas. Porém, o Renegade Trailhawk não faz feio e oferece um bom equilíbrio para quem busca por um carro confortável para o dia-a-dia, mas ainda assim, divertido para os finais de semana.

 

Já vamos logo adiantar: o Renegade Trailhawk 0 km custa nada módicos R$ 146 mil. E pode ultrapassar os R$ 156 mil com todos os equipamentos disponíveis. Ou seja, mais caro que um Troller T4 0 km, que sai por R$ 141 mil.

 

Confira abaixo todos os principais detalhes desta versão do Renegade:

 

Renegade Trailhawk – detalhes

O Trailhawk está disponível como uma versão produzida em série desde a chegada do Jeep Renegade ao mercado brasileiro, em março de 2015. Naquela época, podia ser encontrado por a partir de R$ 116.990. Passados quatro anos, recebeu diversas mudanças e hoje já custa R$ 29 mil a mais.

 

Para quem conhece o Jeep Renegade, o modelo Trailhawk não passa despercebido. Ele tem um adesivo preto fosco no capô (que diminui o reflexo do sol na visão do motorista em trilhas com inclinações), pneus de uso misto revestindo as rodas de liga-leve de 17 polegadas com acabamento diamantado, capa dos retrovisores na cor cinza e dois ganchos vermelhos na frente e um atrás.

 

Dispõe também de uma plaqueta “Trail Rated” (posicionada logo abaixo da coluna “A”, nos dois lados da carroceria), concedida apenas aos carros que conseguiram transpor a trilha Rubicon, uma das mais difíceis dos Estados Unidos.

 

Por dentro, se diferencia pelos bancos em couro com costuras vermelhas, além das saídas de ar, aros dos alto-falantes nas portas e console central com pintura na cor vermelha.

 

Além disso, para fazer jus à vocação off road, conta com suspensão com ajustes diferenciados, maior distância livre em relação ao solo (22,3 cm, contra os 21,6 cm das demais versões), protetores no assoalho, pneus de uso misto e o modo “Rock” (pedra) no seletor de modos de tração.

 

Entre os equipamentos, já sai equipado com central multimídia com espelhamento de smartphones, alerta de ponto cego, sete airbags, bancos em couro, assistente de descida, faróis e lanternas full LED, ar-condicionado de duas zonas, painel de instrumentos com tela configurável, freio de estacionamento eletrônico acionado por tecla, controles de estabilidade, tração e anti capotamento, chave presencial, entre vários outros.

 

O acabamento interno do carro é aceitável para a sua categoria, mas deve um pouco quando falamos de um carro que custa na faixa dos R$ 150 mil. Não conta, por exemplo, com banco do motorista com ajustes elétricos. O porta-malas é bastante pequeno, ainda mais nesta versão que traz estepe de tamanho integral, com apenas 273 litros de capacidade.

 

O motor 2.0 turbodiesel, combinado ao câmbio automático de nove marchas e tração 4×4, oferece um bom desempenho na cidade e também na estrada. Este conjunto mantém certo vigor em qualquer situação, sobretudo em ultrapassagens e retomadas de velocidade.

 

Renegade Trailhawk – equipamentos

Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2020
 

Segurança: airbags frontais, laterais, de cortina e para os joelhos do motorista, freios ABS com EBD, alarme, controle eletrônico de estabilidade, controle de tração, controle eletrônico anti capotamento, controle de estabilidade para trailer, encosto de cabeça e cinto de três pontos para os cinco ocupantes, Isofix para fixação de cadeirinhas no banco traseiro, luzes de condução diurna, Panic Break Assist, assistente de partida em rampas, controle eletrônico de velocidade em descidas, protetor de assoalho, cárter, de tanque de combustível e de transmissão, freio a disco nas quatro rodas, freio de estacionamento eletrônico, entre outros.

Conforto: direção elétrica, ar-condicionado automático digital de duas zonas, vidros elétricos nas quatro portas com one touch, travas elétricas nas portas e porta-malas, faróis com acendimento automático, volante com ajuste de altura e profundidade, apoia-braço central dianteiro com porta-objetos, banco do motorista ajustável em altura, banco traseiro bipartido e rebatível, banco do passageiro dianteiro rebatível, retrovisores externos elétricos, chave presencial, partida do motor por botão, piloto automático com limitador de velocidade, retrovisor interno eletrocrômico, porta-objetos sob o assento do banco do passageiro, porta-celular, entre outros.

Visual e acabamento: volante revestido em couro, bolsa porta-objetos atrás do banco do motorista, bancos revestidos parcialmente em couro com costuras na cor vermelho rubi, alavanca de câmbio revestida em couro, faróis full LED, lanternas em LED, faróis e lanterna de neblina em LED, ganchos de reboque vermelhos, iluminação do porta-malas, molduras do painel e console na cor vermelho rubi, preto e Metal Diamond, porta-malas com revestimento duplo, retrovisores externos com capa na cor cinza e repetidores de seta, rodas de liga-leve de 17 polegadas com pneus “super verdes” 215/60 de uso misto, tapetes internos em borracha, rack de teto na cor preta, adesivo no capô, entre outros.

Tecnologia: sensor de chuva, sensor crepuscular, sensor de estacionamento traseiro, central multimídia com tela sensível ao toque de 8,4 polegadas, Android Auto, Apple CarPlay, comandos de voz, Bluetooth e entrada USB, sistema de som com seis alto-falantes, suspensão off-road com altura elevada, tração 4×4 Jeep Active Drive Low, câmera de ré, computador de bordo (distância, consumo médio, consumo instantâneo, autonomia e tempo de percurso), painel de instrumentos com tela colorida e configurável de sete polegadas, entre outros.

 

Renegade Trailhawk – opcionais

O Renegade Trailhawk é completo de fábrica. Todavia, como opcional ele pode receber o teto solar elétrico panorâmico “Command View”. Ele custa R$ 8,2 mil extras, com vidro retrátil com abertura elétrica sobre os bancos dianteiros.

 

Anteriormente, o Trailhawk tinha a opção do teto My Sky, com dois painéis leves de plástico que podiam ser removidos e guardados no porta-malas. Este teto oferecia também a abertura elétrica do painel dianteiro. Porém, este teto deixou de ser ofertado na linha 2018.

 

 

Renegade Trailhawk – preço

Veja abaixo o preço do novo Renegade Trailhawk:

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2020: R$ 145.990

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2020 + cor perolizada + teto Command View: R$ 156.490

A seguir, você pode conferir os preços do Trailhawk no mercado de seminovos e usados, de acordo com a Tabela Fipe:

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2020: R$ 129.220

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2019: R$ 124.170

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2018: R$ 108.740

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2017: R$ 102.100

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2016: R$ 90.220

  • Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2015: R$ 86.700

Renegade Trailhawk – cores

Veja abaixo as opções de cores sólidas, metálicas e perolizada que a Jeep oferece na linha Renegade Trailhawk 2020:

  • Verde Recon (sólida, sem custo adicional)

  • Preto Carbon (metálica, por R$ 1.650 adicionais)

  • Cinza Antique (metálica, por R$ 1.650 adicionais)

  • Vermelho Tribal (metálica, por R$ 1.650 adicionais)

  • Azul Jazz (metálica, por R$ 1.650 adicionais)

  • Branco Polar (perolizada, por R$ 2.300 adicionais)

Renegade Trailhawk – motores

Conforme citamos acima, o Jeep Renegade 2020 na versão Trailhawk é o único modelo disponível exclusivamente com o motor turbodiesel. Disponível também como opção em outras configurações do crossover compacto, este propulsor é um 2.0 litros Multijet II turbodiesel de quatro cilindros.

 

Entre as tecnologias, é dotado de 16 válvulas (quatro válvulas por cilindro), injeção direta de combustível de duto único e alta pressão (1.600 bar), turbina de geometria variável, intercooler, bloco em ferro fundido e cabeçote de alumínio. Este motor consegue desenvolver 170 cavalos de potência, a 3.750 rpm, e 35,7 kgfm de torque, a partir de 1.750 giros.

 

Junto a ele está a transmissão automática de nove marchas da marca alemã ZF. Trata-se de uma exclusividade do Renegade diesel– o modelo flex oferece um câmbio automático de seis marchas convencional e sistema de tração 4×2.

 

Esta caixa de transmissão, inclusive, se diferencia também pela suavidade em seu funcionamento e o escalonamento de marchas. A primeira marcha é curtíssima, tanto é que jamais é usada em saídas normais – o carro sai sempre em segunda marcha. Neste caso, a primeira marcha é usada como reduzida.

 

Além disso, a nona marcha é utilizada somente em velocidades superiores a 100 km/h, fazendo com que o motor trabalhe em rotações mais baixas e, assim, beneficiando o consumo de combustível. Para se ter uma ideia, a 120 km/h, o motor costuma trabalhar na faixa dos 2.000 giros – isso contribui também para o baixo nível de ruído, mesmo se tratando de um propulsor diesel, que é originalmente mais barulhento.

 

O Renegade Trailhawk também conta com sistema de tração 4×4, batizado pela FCA como “4×4 Jeep Active Drive Low”. Ela funciona sob demanda, ou seja, entrega a força nas quatro rodas somente após os sensores detectarem necessidade conforme a situação. Em condições normais de aderência no piso, a tração do SUVzinho é sempre dianteira

 

De acordo com engenheiros da FCA, basta somente um giro em falso de 270º (3/4 de uma volta) de uma das rodas dianteiras para que o sistema entre em ação e acople automaticamente o eixo traseiro.

A tração 4×4 pode ser acionada manualmente através de um botão no painel.

 

Outro sistema é o controle de tração Selec-Terrain, que oferece até cinco modos de funcionamento: Auto (automático), Snow (neve), Sand/Mud (areia/lama) e Rock (pedra), este último exclusivo do Trailhawk.

 

Renegade Trailhawk – consumo

Conforme os números divulgados pelo Inmetro no Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), os números de consumo do Renegade na versão Trailhawk são os seguintes:

Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2020
  • Consumo de 9,4 km/l na cidade com diesel;

  • Consumo de 11,5 km/l na cidade com diesel.

  • Nota “C” na comparação relativa na categoria e “D” na comparação absoluta geral do PBE do Inmetro.

Renegade Trailhawk – desempenho

Confira a seguir os números de desempenho do novo Jeep Renegade Trailhawk 2020, conforme os números especificados pelo fabricante:

Jeep Renegade Trailhawk 2.0 Diesel 2020
  • Aceleração de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos;

  • Velocidade máxima de 190 km/h.

 

 

 

Share on Facebook
Please reload

Posts Recentes
Please reload

15 3244.8600

VIA ANTONIO LEITE DE OLIVEIRA, 265, PAULAS E MENDES - PIEDADE/SP

NOSSOS VENDEDORES:

ANTONIO 15 9 9803.4626

EMERSON 15 9 9707.7330

CÁTIA 15 9 9739.7565

NETO 15 9 9796.0816

MARCIO 15 9 9726.1999

WALDIR 15 9 9825.9199

ATENDIMENTO ONLINE

VIA WHATSAPP

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Grupo Jet Motors© 1993 - 2020 por Cerbero Comunicação & Design